O Instituto Estadual de Educação Wilson Camargo, situado na Avenida Capitão Castro, 3050 em Vilhena-Ro, foi a primeira escola da cidade de Vilhena criada pelo Decreto nº 353 de 10 de agosto de 1960, sendo chamada então de Escola Isolada Wilson Camargo, em homenagem e reconhecimento a um dos primeiros professores de Vilhena Wilson Coutinho e Camargo em reconhecimento a um grande vulto da engenharia brasileira, a Companhia Camargo Correa, principal responsável pela construção de nossas estradas. A cidade de Vilhena, não passava de um provisório acampamento de candangos, empenhados na construção da então rodovia BR 029, hoje BR 364 e sua população não ultrapassava o número de 30 pessoas.

As primeiras aulas foram ministradas na casa da professora Noeme Barros Pereira. O decreto que a transformou em escola ‘de verdade’ foi baixado em 1960, com o nome de Escola Isolada Wilson Coutinho.

Em 1962 teve sua primeira diretora, Noeme Barros, e desde então passou a ser a única referencia educacional que essas bandas conhecia. Atendia 10 alunos, dentre eles, nome que fizeram história e até hoje estão registrados na memória dos vilhenenses, como Alfredo Fontineli e Zuleide Falcao.

A princípio se chamava Escola Isolada Wilson Coutinho, as razões da nomenclatura são controversas. A quem diga que o nome foi uma homenagem ao professor normalista que orientava os professores leigos da região e também alfabetizava as crianças, tendo ele falecido em meados de 1952 na região.

Outra origem para o nome seria de um assistente de primário que teria sido vítima de um acidente automobilístico em meados dos anos 90.

O nome da escola foi mudado para Wilson Camargo em homenagem ao engenheiro Civil da Construtora Camargo Corrêa (responsável pela abertura da atual BR 364). Essa história possui também uma controversa. Há quem diga que o nome é uma junção dos nomes Wilson Coutinho com o da Construtora Camargo Corrêa. A idéia era homenagear os dois ao mesmo tempo.

Em 1974 foi implantado o ensino ginásio. Era o único oferecido na época. Em 1977 foi implantado o segundo grau, com o ensino magistério e técnico em contabilidade.

Em 29 de setembro de 1977 a Escola Isolada Wilson Camargo passou a se chamar Escola Territorial de 1º e 2º Grau Wilson Camargo, nome mantido até 1993, sendo alterado em 28 de março de 1993 para o Instituto Estadual de Educação Wilson Camargo.

Atualmente conta com um quadro de 85 funcionários e 853 alunos, entre ensino Fundamental e Médio. São 27 turmas nos três períodos, com onze salas de aulas, quadra poliesportiva coberta, cantina, biblioteca, sala de leitura, informática e vídeo, secretaria e sala de professores com atendimento especializado em ensino especial. Fonte: http://educandodigital.blogspot.com e http://wilsoncamargolie.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *